Nossos Leitores Obrigado Por Ler

QUE VAINA TAN ARRECHA: AYER MATARON A UN ESTUDIANTE DE LA UNIVERSIDAD DEL ZULIA NÚCLEO PUNTO FIJO.... HASTA CUANDO TANTA VIOLENCIA... HOY ES JOSE ANTONIO Y MAÑANA QUIEN???



DIEGO EXORCISTA
DIRETO DA VENEZUELA
14/02/2016


QUE VAINA TAN ARRECHA: AYER MATARON A UN ESTUDIANTE DE LA UNIVERSIDAD DEL ZULIA NÚCLEO PUNTO FIJO.... HASTA CUANDO TANTA VIOLENCIA... HOY ES JOSE ANTONIO Y MAÑANA QUIEN???


Asesinan a Taxista presuntamente para robarlo en el sector Las Piedras
Redacción Web:


Se conoció que al parecer le dispararon, en medio de un atraco en la calle Villa del Mar del sector Las Piedras, quedando sin vida instantáneamente, al lugar se hicieron presentes funcionarios del CICPC para efectuar el levantamiento del cadáver, la víctima presento trauma craneal severo y shock hipovolémico, producido por proyectil de arma de fuego.


La noche de este sábado, en un presunto atraco fue asesinado José Antonio Monjes Pernalete de 25 años, el hecho se registro en el sector Las Piedras de Punto Fijo.



Hasta el momento, el móvil manejado por el Cuerpo detectivesco es el robo. Monjes laboraba como taxista, estaba domiciliado en la Calle Las Palmas del sector Universitario y era natural de la población de Urumaco.



Se supo que el hombre asesinado estudiaba Administración de empresas y se trasladaba en un Malibu, color vinotinto.



José Antonio Monjes Pernalete (24) había salido de su casa la tarde de este sábado para taxear, encontrando la muerte en la noche, por presuntamente resistirse a un atraco.
Su esposa, identificada como Marbelis Mendoza, indicó que desde la mañana de ayer, el muchacho estaba en la Universidad del Zulia, reunido con sus compañeros de tesis, puesto que estaba por graduarse como administrador de empresas.
“Él fue a la casa, comió y se acostó un rato, y después se fue a trabajar”, relató Mendoza entre sollozos, mientras indicó que su esposo se dedicaba a taxear esporádicamente, para llevar el sustento a su hogar.
Monjes recibió varios disparos, incluso algunos proyectiles impactaron en el vehículo, un Chevrolet Malibú color vinotinto. Se conoció que la mañana de este domingo, forenses se encuentran realizando la autopsia de ley en la sala del Servicio Nacional de Medicina y Ciencias Forenses. María Isabel Manzanares / Paraguaná
El móvil que cobra mayor fuerza es un posible atraco, pese a que en el lugar del hecho, el callejón “Zamora” del sector Villa del Mar, fueron colectadas todas sus pertenencias.

Fim da conversa no bate-papo

ATENÇÃO VOCÊ CONSUMIDOR AS EMPRESAS DE COBRANÇA NÃO PODE LANÇAR SEU NOME NO SERASA E NO SPC, QUANDO A DIVIDA ULTRAPASSA MAIS DE 5 ANOS COMO É O CASO DA EMPRESA RAINBOW HOLDINGS DO BRASIL A FAMOSA RHB QUE COMPROU A ATLANTICO

Rainbow Holdings do Brasil, mais uma empresa cadastrando ilegalmente consumidores no SPC e SERASA. É a febre do momento; empresas que compram dívidas 'podres', ou seja, com mais de 5 anos e que, por lei, não poderiam mais ser cobradas na justiça ou constar nos cadastros de SPC e SERASA, mas que ilegalmente estão sendo recadastradas nestes órgãos de restrição ao crédito, prejudicando milhões de consumidores.



Também é ilegal o cadastro do nome do consumidor no SPC e SERASA, mesmo que a dívida não tenha 5 anos, se não houver a notificação por escrito ao consumidor da cessão (venda) da dívida.

Já havíamos denunciado as empresas ATIVOS S/A, que compra dívidas do Banco do Brasil, Betacred, que compra dívidas do Banco Real e a Atlântico Fundos de Investimento, que compra dívidas da Telefônica, Brasiltelecom, Vivo e outras empresas (clique aqui para ler), pela mesma prática ilegal.

Agora é a vez da empresa Rainbow Holdings do Brasil que está comprando dívidas 'podres' (já prescritas, pois com mais de 5 anos) de empresas como o Cartão American Express, Ponto Frio etc e recadastrando ilegalmente o nome de milhares de consumidores no SPC e SERASA.

Todas estas empresas se valem da falta de informação dos consumidores, visto que uma parcela muito pequena conhece os seus direitos e a grande maioria por desconhecer e ficar apavorado, acaba aceitando pagar a dívida para ter seu nome (que foi inscrito ilegalmente) retirado dos cadastros restritivos.

Portanto, estamos novamente alertando todos os consumidores que tiveram seu nome cadastrado por estas empresas após a dívida já ter completado 5 anos ou, mesmo antes dos 5 anos, se não receberam a notificação por escrita da cessão (venda) da dívida, inclusive aqueles que já pagaram, que têm o direito de entrar com ação judicial contra as referidas empresas e contra a empresa que vendeu o crédito, exigindo medida liminar para imediata retirada do cadastro do SPC e SERASA, bem como indenização por danos morais. 

COBRANÇAS DE DÍVIDAS PRESCRITAS DÃO DOR DE CABEÇA PARA CONSUMIDORES E GERAM INDENIZAÇÕES



14/02/2016.
fonte
IBEDEC 
Alguns bancos e empresas de telefonia, estão cedendo suas carteiras de dívidas à receber de consumidores para empresas especializadas em cobranças. 
As empresas imediatamente negativam os consumidores nos órgãos de proteção ao crédito, muitas vezes sem aviso prévio de cobrança ou mesmo da negativação.
Embora seja um direito das empresas buscar receber dívidas dos consumidores, existem regras que não estão observados, como o aviso prévio da negativação e os prazos de prescrição.
Uma empresa denominada “Atlântico Fundo de Investimentos em Créditos Não Padronizados”, tem sido a campeã de reclamações nos órgãos de defesa do consumidor. Na internet, uma pesquisa em sites de buscas revela reclamações de vários consumidores em blogs e jornais.
Em Brasília, o consumidor Alex Bezerra, por exemplo, foi vítima desta empresa. Ele teve que desfazer a venda de um apartamento de sua propriedade, porque o comprador não conseguiu financiar o imóvel, já que Alex estava negativado no SPC e não poderia figurar como vendedor com esta restrição.
Ao procurar informação no SPC, descobriu que estaria negativado em R$ 4.013,28 pela Atlântico Fundo de Investimentos, sobre um suposto contrato de nº 12888220. Só que ele não foi notificado previamente da negativação e nem sequer sabe do que se trata a dívida. O consumidor recorreu ao Judiciário contra a empresa que estava fazendo a cobrança de uma dívida inexistente e contra o SPC que não comunicou a negativação.
Em sentença da Justiça de Taguatinga (DF), a dívida foi declarada inexistente e a indenização pela cobrança ilegal e pelos constrangimentos causados foi de R$ 16.000,00.
José Geraldo Tardin, presidente do IBEDEC, explica as obrigações das empresas que “compram” dívidas de outras empresas, das empresas que “vendem” seus créditos e dos órgãos de proteção ao crédito:
– A empresa que “vende” seu crédito com o consumidor para outra empresa, tem que comunicar o consumidor por escrito da cessão do crédito. Se não houver comunicação, a cessão não tem eficácia contra o devedor;
– A empresa que “compra” a dívida do consumidor com outra empresa, tem que comunicar previamente o consumidor sobre a dívida e que se não for quitada, será negativada nos órgãos de proteção ao crédito.
– Os órgãos de proteção ao crédito são obrigados à comunicar com 10 (dez) dias de antecedência que o consumidor será negativado sobre a dívida. A comunicação tem que ser feita no endereço ATUAL do consumidor e cabe ao órgão provar que enviou tal comunicação.
– A Justiça tem entendido que cobranças constrangedoras, como deixar recados com parentes, vizinhos ou colegas de trabalho do suposto consumidor devedor, afirmando que ele é devedor ou que será processado, caracteriza dano moral e pode gerar indenização para o consumidor. Cobranças nos fins de semana ou a prática de infernizar o devedor com dezenas de ligações no mesmo dia, também podem gerar indenizações aos consumidores.
“Várias empresas de cobrança optam pelo terrorismo contra o consumidor, expondo ao ridículo perante seus parentes, amigos e colegas de trabalho, ao invés de buscar os meios legais para receber o seu crédito na Justiça, onde o consumidor pode se defender e a dívida terá que estar formalizada em contrato e demonstrada expressamente”, comentou Tardin.
O IBEDEC ainda lembrou que as empresas não estão atentando para os prazos de prescrição da dívida. É que houve uma mudança em 11 de janeiro de 2003, quando entrou em vigor o Novo Código Civil brasileiro, e os prazos para cobrança de dívidas foram bastante diminuídos.
Antes, uma dívida de consumo podia ser cobrada em 20 (vinte) anos. Hoje o prazo caiu para 5 (cinco) anos se houver contrato. Já os juros, multa e correção monetária, só podem ser exigidos para dívidas vencidas até 3 (três) anos, acima disto não podem ser exigidos. Já a negativação do consumidor nos órgãos de restrição ao crédito não pode ultrapassar 5 (cinco) anos e mesmo que não seja quitada deverá ser apagada dos registros neste prazo.
Tardin explicou que “A Prescrição é um instituto do direito segundo o qual a partir do nascimento de um direito, a morte deste direito será, entre outras causas, a prescrição. Assim, se uma dívida nasceu e pode ser cobrada a partir de hoje, caso a cobrança não seja feita em cinco anos, ela prescreve, ou seja, o credor não poderá mais cobra-la e a dívida então se considera extinta”.
O IBEDEC alerta que:
– o consumidor constrangido na cobrança de dívidas, deve reunir provas do abuso, gravando as ligações, anotando nomes de testemunhas, horários das ligações ou histórico das chamadas recebidas no celular. É direito do consumidor não ser constrangido na cobrança de dívidas;
– é direito do consumidor ser notificado previamente da cessão da dívida de uma empresa para outra, bem como ser comunicado previamente da negativação nos órgãos de restrição ao crédito.
– as anotações nos órgãos de restrição ao crédito devem ser apagadas quando completarem 5 (cinco) anos, mesmo que não sejam quitadas;
– quem é cobrado tem direito à saber qual é o contrato que originou o débito, exigindo cópias e demonstrativo do débito. Se o contrato não for exibido o consumidor pode recorrer ao Judiciário para declarar a dívida inexistente.
– dívidas com mais de 3 (três) anos não podem ter incidência de juros, multa ou correção monetária; dívidas com mais de 5 (cinco) anos, oriundas de contrato, não podem ser cobradas, estão prescritas.
– o consumidor não é obrigado à pagar honorários de advogado em cobranças extrajudiciais, se estas cobranças estiverem sendo feitas por empresas particulares e não por advogados. Mesmo em cobranças extrajudiciais, os honorários podem ser negociados e são devidos por quem contratou o advogado, no caso, a empresa.
Fique atento:
Quem sofrer abusos pode recorrer à Justiça para ser indenizado pelas empresas ou declarar que a dívida está prescrita ou não é devida. Ações com valor de até 40 (quarenta) salários mínimos podem ser proposta nos Juizados Especiais Cíveis e não tem custos para o consumidor.
Em caso de dúvidas se as cobranças estão corretas ou se a dívida está prescrita, envie um e. mail para consumidor@ibedec.org.br.

“Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé...” I Timóteo 6:10. ESTÃO FAZENDO DAS NOSSAS IGREJA PALANQUE POLITICO É UM TUMOR CANCEROSO QUE PRECISA SER TIRADO DAS NOSSAS IGREJAS VIVAS NA FÉ, OU ENTÃO TEREMOS A MORTE DA IGREJA NÃO É TEORIA É FATO




Billy Sunday
texto original
adaptação e 
comentários
renato santos
14/02/2016


Falar de assunto " igreja", já  virou  uma rotina de ofensas, religiosas, mas, a IGREJA  não é  o templo  feito  pela  mão  dos homens e sim  o  próprio  homem, a sua natureza, VOS  SOIS  O TEMPLO DO  ESPÍRITO SANTO  ,  ou  ainda,ONDE ESTIVER  DOIS  OU TRÊS REUNIDOS EM MEU NOME  LÁ ESTAREI, o tema de  hoje  é  POR QUE AS  IGREJAS  ( TEMPLOS)  ESTÃO  MORTAS, ao mesmo  tempo  iremos aqui falar da fé  que  já estais  morta, precisamos  em dois pontos saber  entender a  diferença  um  do outro.



Quanto  ao  Assunto a  Morte da  Igreja, a  culpa  é  dos mercenários da  fé e para  piorar  a  falta  do conhecimento da verdade.

O texto chave deste assunto  é  :  “Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé...” I Timóteo 6:10.

Muitos  confundiram  a  fé  que  é dom gratuito de DEUS, com a  chamada  doutrina da  prosperidade, que esta levando  muitas almas  ao inferno e dando  dinheiro para as  pessoas mercenárias que deveriam estar  na cadeia por enganação da  fé e  as  suas riquezas que  serve para corrompe  a  todos. Faço  aqui  uma ressalva  não se engane  com dízimos e  ofertas  que  são dada de coração e  não por obrigação.

Não existe nada mais triste do que ver uma igreja outrora fiel ir lentamente morrendo. A história tem mostrado que toda instituição acaba tornando-se apóstata, mas é difícil suportar o rápido declínio de igrejas bíblicas/fundamentalistas e sua mudança de direção, indo atrás de satanás. 

O problema todo está nos pastores apóstatas, de quem Deus encarregou de cuidar de seu rebanho, mas eles ao invés disso estão crescendo sua cobiça pelo dinheiro e estão abandonando a fé. 
  É alarmante quando uma igreja forma uma orquestra, instala grandes projetores e tem dinheiro para ostentar viagens e todos os "principais" membros andam em carros último tipo e o dinheiro – leia-se dízimos – torna-se o assunto principal da pregação do(s) pastor (ores). 

O pesar entra na congregação, porque a cobiça induz mais o(s) pastor (ores) a ir por um caminho errado mais do que qualquer outro pecado. 
  "Eu tenho visitado  várias  Igrejas denominacionais ASSEMBLÉIA DE DEUS , UNIVERSAL, DEUS É  AMOR, MUNDIAL, por muito tempo, e já vi muitas coisas acontecerem. 

Para mim a coisa mais triste que já vi em toda a minha vida, aparte de ver meu próprio país ir cada vez mais para perto do diabo, foi ver a mudança de pastores e igrejas. 

Eu fico pasmo e atordoado com tanta descrença, quando vejo homens que uma vez estavam de pé e que agora não estão mais... eu sei que todas as semanas eu choro por alguns, eu quero dizer, grito, eu quero dizer grito de tristeza, por causa de pastores que estão mudando". 

  Como cristãos devemos ser leais aos princípios e verdades de organizações e instituições. Isto é raro. Tragicamente, a maior parte das pessoas podem facilmente ser desviadas da fé verdadeira por um pastor apóstata. 

Isto é porque por natureza elas são leais as organizações e instituições. A maior parte das pessoas tem medo de confrontar o homem a quem foram ensinadas a idolatrar. 

Um pastor que ensina a ridícula teoria de que a Bíblia não é de todo inspirada e que o principal tema da Palavra de Deus é o dinheiro – tem apostatado da fé.   Nossas igrejas eram muito melhores quando não tínhamos bancos acolchoados. Nossas igrejas eram muito melhores quando tínhamos pregadores no púlpito ao invés de pastores. 

Éramos melhores quando nossas igrejas tinham verdadeiros reavivamentos ao invés de escolas de pastores. Éramos melhores quando os pastores confiavam em Deus ao invés de constrangerem os membros com falsos ensinos sobre dizimar. 

Éramos melhores antes de os teólogos nos falarem que éramos ignorantes. Éramos melhores quando os pastores chamavam o Papa de "O vigário do Inferno" em vez de elogiá-lo apoiando assim aos católicos. 

Éramos melhores quando simples pastores proferiam: "Deus inspirou cada Palavra da Bíblia", ao invés de pastores eloquentes de hoje que negam a sua inspiração. Deus tinha nos livrado desses que abalariam nossa fé na Bíblia como a Palavra inspirada de Deus. 

ÈRAMOS felizes  quando os pastores não  assentavam na roda  dos escarnecedores para vender  votos  de seus fiéis a  político  canalhas, com a desculpa de termos  representante  na CÂMARA  DOS VEREADORES, DEPUTADOS E SENADO, A VERDADEIRA  IGREJA  DE CRISTO  É  VERDADEIRAMENTE  OPOSITORA  DO SISTEMA  POLÍTICO  SUJO  E  APODRECIDO.  Os seminários ( esclarecendo, são  cultos  com objetivos de  ganhar  recursos  financeiros  vendendo todo o tipo de milagre e  fazendo campanhas  que não são originais da PALAVRA DE DEUS e para  piorar pegam  versículos  bíblicos  e substituí seus locais de oração por salas de estar.  

Substituíram tempo de devocional à noite por peças satíricas. Ganhar dinheiro no ministério se tornou o objetivo de muitos seminários que estão tentando recrutar novos estudantes, em vez de recrutar jovens que estejam dispostos a suportar uma cruz para o seu Deus. 

Nosso louvor a Deus foi substituído pelo louvor aos homens. Nossa fé na Bíblia foi substituída sutilmente pela fé no pastor. 

São erguidas estátuas em honra de homens. São molestados os membros das igrejas a continuamente dar mais dinheiro para os ministérios, enquanto o pastor e a sua esposa desfrutam o melhor da vida.   
  
Quando cresce um ministério, consequentemente pode se chegar ao ponto onde já não pode se desenvolver sem fazer acordos, como romper com a sua posição de se manter fiel a Bíblia do texto tradicional. 

Embora o ministério possa continuar crescendo, avança mais para dentro da religião e mais longe do Cristianismo Bíblico. 

A maioria do trabalho religioso hoje é feito na carne. Jesus disse em João 15:1-7 que se estamos nEle, e a Sua Palavra em nós, daremos muito fruto genuíno em Deus. 

Quando os pastores deixam de pregar a inspiração da Bíblia, eles estão atacando a mesma Semente pela qual os homens são renascidos, pois sem Cristo não podemos fazer nada, e Jesus é a Palavra de Deus (João 1:1-3; Apocalipse 19:13).   

Quando um pastor nega a inspiração da Palavra de Deus, ele começa um caminho em direção as sombras. 

Quando o dinheiro se torna o foco principal dos ensinos de um pastor, o seu julgamento se torna obscuro e deplorável. 

Depois de algum tempo, a igreja cai em apostasia e negação. É uma vergonha quando dezenas de milhares das pessoas são influenciadas por um homem que nega a inspiração de nosso Rei na preservada Palavra de Deus. 

É um tumor canceroso que debilita esta igreja, e se deixado sem tratamento conduzirá no final das contas a morte deste ministério.  

Billy Sunday, The Need for Revivals [A Necessidade de Reavivamento], de "Billy Sunday: The Man and His Message [O Homem e sua mensagem]" por William T. Ellis, Philadelphia: John C. Winston Co., 1914. Ele escreveu, "Seria uma dádiva de Deus se a Igreja sofresse perseguição hoje; ela não sofreu isto por centenas de anos. Ela está crescendo rica e lentamente se afastando... para a apostasia".


Anuncio

Seguidores

CAMPANHA PRA VENEZUELA

CAMPANHA  PRA  VENEZUELA
PRECISA DE AJUDA HUMANITÁRIA

As principais matérias do blog