Nossos Leitores Obrigado Por Ler

Ouça o áudio acidente aéreo Foker 100 Avianca Brasilia/DF-Brasil-28/03/2...


Publicado em 29/03/2014
Veja imagem e ouça o áudio entre o piloto do Foker 100 da Avianca e a torre durante o acidente aéreo no aeroporto Internacional de Brasilia em 28/03/2014 - www.wbrasilia.com

WILLIAN BONNER E PATRICIA POETA HONRARAM A ÉTICA NO JORNALISMO E O PT CLARO NÃO GOSTOU E JA ESTA PUBLICANDO NAS REDE SOCIAS ATAQUES CONTRA ELES

GAZETA  CENTRAL : A presidente Dilma Rousseff, que concorre à reeleição, admitiu nesta segunda-feira que o sistema de saúde do país não tem uma situação "minimamente razoável" mesmo após quase 12 anos de governo petista.


Dilma concedeu entrevista ao Jornal Nacional nesta segunda e ao ser questionada se considerava que a situação do sistema de saúde no Brasil podia ser classificada como minimamente razoável, ela disse que não.

"Não, não acho. Até porque o Brasil precisa de uma reforma federativa", argumentou Dilma tentando explicar que o governo federal não poderia ser responsabilizado por todos os problemas.

Um pouco antes, quando discorria sobre o programa Mais Médicos, que importou médicos de outros países para atender no Sistema Único de Saúde (SUS), a presidente já havia dito que nessa área o governo tem desafios a serem vencidos.

"Nós tivemos e ainda temos muitos desafios a enfrentar na saúde", afirmou.

Foi satisfatporio a ação eleitoral do Jornal Nacional contra a presidente Dilma Rousseff; William Bonner fez perguntas quilométricas; Patrícia Poeta chegou a fazer cara de nojo e a colocar o dedo em riste diante de Dilma em razão do “nada” que teria sido feito na área da saúde em 12 anos.

Ditos com ênfase pela apresentadora; Dilma mal teve a oportunidade de responder perguntas que eram feitas, da mesma maneira  que  fez  com EDUARDO CAMPOS, assim  o  casal de apresentadores mostrou a  imparcialidade  do jornalismo a  tanto que  os  cretica-los  em rede  sociais.

Como sua suposta incapacidade de se cercar de pessoas honestas e os números da economia; quando teve oportunidade falar, Dilma disse que seu governo “estruturou o combate à corrupção” e que “nenhum procurador foi chamado de engavetador-geral da República”; 

Ela lembrou ainda o baixo desemprego e a inflação que se aproxima de zero nos últimos meses; não foi entrevista,mentira só  se for  nos  sonhos  dela, a inflação esta  em alta  sim,e  o desemprego tambem,as  perguntas  do casal de jornalistas foram  civilizadas de jornalismo; presidente conseguiu falar sobre o progama Mais Médicos e informar que a inflação está baixando, com zero de elevação em julho, ai  que a  coisa  aperta, ou ela  é mal assessorada ou então  vive em outro País.

Com posturas conhecidas de imparcialidade do grande público, os apresentadores William Bonner e Patrícia Poeta deixaram a mentira e o medo por esta  digamos em território  inimigo e mostraram que  nem o PT manda  neles,  e partiram para o ataque sobre a presidente Dilma Rousseff, na entrevista ao Jornal Nacional concecidida no Palácio da Alvorada, em Brasília.


Bonner tinha que mostrar a verdade para  o publico e  não aceitar abaixar a cabeça  para  uma pessoa  que  não valorizou  o Brasil e  ainda  ajudou a matar  o VENEZUELANOS, fora  os escanda-los que e sta  havendo  na PETROBRAS e  em seu  governo  corrupto, , mas Patrícia não quis ficar atrás.

Após Aécio Neves e Eduardo Campos, nesta segunda-feira 18 foi a vez da presidente Dilma Rousseff dar entrevista ao Jornal Nacional, principal informativo da Rede Globo. Ao contrário do tom respeitoso das perguntas feitas nas entrevistas anteriores, desta vez elas foram longa e em tom desafiador:Claro  que  o PT  não gostou.


VAMOS AS  PERGUNTAS : 


BONNER- Qual a dificuldade de formar uma equipe de governo com gente honesta?,

DILMA - Fomos o governo que mais estruturou o combate à corrupção e aos mal feitos, respondeu Dilma. “Nenhum procurador geral da República foi chamado no meu governo de engavetador geral da República”, acrescentou.

GAZETA  CENTRAL :  MENTIRA, FOI O GOVERNO  DE MAIS CORRUPÇÃO DA  NOSSA  HISTÓRIA  TANTO  QUE  ELA ATRAVÉS DE SEUS AGENTES  TIRARM O JOAQUIM BARBOSA DO STF

William Bonner insistiu no tema da corrupção, usando ênfase sobre Dilma:

BONNER- Um grupo de elite do seu partido foi condenado por corrupção, são corruptos, mas o seu partido protegeu essas pessoas. O que a sra. acha da postura do PT?, disse ele.

Dilma : não respondeu diretamente, optando por lembrar sua posição institucional:

GAZETA  CENTRAL  QUE  POSIÇÃO INSTITUCIONAL, A SENHORA  COM TODO RESPEITO  É  A MAIS MENTIROSA DE TODOS  ATÉ MESMO  DO SEU  CHEFE  LULA, A SENHORA INTERVIU  SIM  INCLUSIVE  NA POLICIA  FEDERAL, NO STF, E  OUTROS, NÃO REPEITOU  NEM MESMO A SOBERANIA  DA  OUTRA  NÃÇÃO  NESSE  CASO VENEZUELA


DILMA- Enquanto eu for presidente da República, não externarei opinião pessoal sobre decisões do Supremo Tribunal Federal. Eu tenho a minha opinião, mas não vou externá-la.

GAZETA CENTRAL  CLARO  TIROU  SEU OPOSITOR  LA DE DENTRO  NÃO FOI SENHORA

Patrícia perguntou sobre saúde, mas Dilma afirmou que seu governo leva assistência de saúde a 50 milhões de pessoas.

Bonner atacou de novo:

- A sra. considera justo culpar ora a crise econômica internacional, ora os pessimistas pelo baixíssimo crescimento da economia brasileira, com inflação alta?

DILMA- A inflação cai desde abril e, agora, atinge zero por cento. Por outro lado, todos os lados antecedentes ao segundo semestre mostram que haverá crescimento frente ao primeiro semestre.

GAZETA  CENTRAL: NA CARA  DE PAU MESMO,A  INFLAÇÃO BAIXA  FAZ  ME RIR, ELA ESTA  MAIS  ALTA QUE  NO TEMPO DO SARNEY  COMO PRESIDENTE  DO BRASIL

Bonner não pareceu satisfeito com a resposta, mas em razão do tamanho das perguntas, especialmente, viu que o tempo de 15 minutos estava estourando:

- Eu vou garantir um minuto para a sra. encerrar.

GAZETA  CENTRAL:  NA MAIOR  FALSIDADE  POSSIVEL QUE  OS OLHOS  NÃO MENTE, ELA AINDA PEDIU  VOTO, PARA  OS  TELESPCTADORES  DO  JORNAL NACIONAL.

Entrevista Dilma Jornal Nacional 18/08/2014



GAZETA  CENTRAL : A presidente Dilma Rousseff, que concorre à reeleição, admitiu nesta segunda-feira que o sistema de saúde do país não tem uma situação "minimamente razoável" mesmo após quase 12 anos de governo petista.

A MORTE DO EDUARDO, A INDICIO P/O PSB PARAR ESSA ELEIÇÃO, ATE Q ESSE INCIDENTE SEJA ESCLARECIDO, 1º) A CAIXA PRETA 2º) DEPOIMENTOS DO EDUARDO DIZENDO Q N/IRIA POUPAR O GOVERNO DO PT,ATE PQ FOI MINISTRO E VIU MUITA COISA ERRADA,3º) UMA SEMANA DEPOIS VOLTANDO A ATRÁS E DIZENDO Q IRIA FAZER UMA CAMPANHÃ SEM BAIXARIA SE LIMITANDO A FALAR, DOS SEUS PROJETOS ETC

Uma foto em que Marina Silva sorri diante do caixão de Eduardo Campos no velório realizado neste domingo, no Palácio do Campo das Princesas, sede do governo de Pernambuco, tem gerado polêmica na internet. Muitos internautas criticaram e consideraram desrespeitoso o semblante da ex-senadora, até então vice-candidata à Presidência da República pelo PSB, captada durante a cerimônia.

Além de Marina, no registro está também o vereador Saulo Souza (PDT-SP), dirigente estadual em São Paulo da Rede Sustentabilidade, com expressão similar a sua. “Olha a cara dessa Marina. Credo! E aquele babaca ali rindo? Gente!”, diz um dos comentários. “Corvos da política”, diz outro. Um terceiro chegou a questionar nos comentários da imagem, que vem circulando desde a tarde de ontem nas redes sociais: “Velório ou festa?”. A expressão de Marina ainda é comparada ao choro do ex-presidente Lula durante a cerimônia, também registrado pelos fotógrafos presentes.

Após as críticas, Souza usou sua página no Facebook para esclarecer a situação: "[Renata Campos] relembrou o quanto ele gostava de contar "causos" e alegrar a vida de todos por onde passava. Então, sorrimos. Nós cinco.", diz a nota. Confira a íntegra da postagem do político:

"Num certo momento da madrugada, eu perguntei para Dona Renata, na presença de Marina, no que consistia a força admirável dos meninos e dela, principalmente, demonstrada diante de tamanho sofrimento e de tamanha dor.

Ela calmamente tocou o porta-retrato do Eduardo que estava sob o caixão e contou do quanto achava lindo o sorriso dele, do quanto ele inspirava a família a sorrir em todos os momentos da vida mesmo quando a dor fosse uma tortura.

Então, disse que estava orgulhosa dele porque conseguiu deixar uma mensagem para o Brasil e realizada porque ele deixou um legado inspirador. Por fim, ela relembrou, como bom nordestino, do quanto ele gostava de contar "causos" e alegrar a vida de todos por onde passava.


ALERTA: QUAL ALIGAÇÃO DA ERONAVE DE EDUARDO CAMPOS COM A EMPRESA TEM UMA DIVIDA DE R$ 800 MILHÕES DE REAIS, MAS VENDEU UM AVIÃO POR 7 MILHÕES DE DOLARES E OS 1.350 FUNCIONÁRIOS EM SITUAÇÃO DE MISÉRIA

Sensíveis aos problemas enfrentados pelos funcionários da Companhia Energética Vale do São Simão, empresa do Grupo Andrade, os vereadores de São Simão e o prefeito Dr. Márcio Barbosa Vasconcelos, promoveram uma reunião com os senhores José Fábio dos Santos (Coordenador Agrícola) e Edson Roberto de Morais (Coordenador de Manutenção), ambos representando os funcionários da empresa Andrade.


O encontro que aconteceu na sala de reunião, da Câmara de Vereadores,  noite do dia 17/02, busca a união de forças entre o Executivo e Legislativo, para encontrar uma solução para a crise financeira que no momento atravessa a Companhia.

O vereador Wesley Mandi, presidente da Casa de Leis, deixou bem claro à todos que a Câmara de Vereadores está engajada na busca de soluções para a resolução da questão.

“A partir dessa data, o problema de todos vocês, passa a ser nosso também. Se faz necessária a mobilização e a união entre os poderes Executivo e Legislativo para que a questão trabalhista dos funcionários seja resolvida. O que não pode perdurar é esse impasse, essa agonia, que está deixando os funcionários na incerteza de que se a empresa volta ou não às atividades e quando os mesmos terão seus salários atrasados pagos”, completou Mandi.

O prefeito Dr. Márcio também colocou a administração municipal à disposição dos representantes dos trabalhadores e afirmou que fará parte da comissão que irá até Brasília, quarta-feira, 19/02, na reunião definitiva que acontecerá na sede da Caixa Econômica Federal.

“Estamos aqui, unidos e reunidos, deixando de lado a questão partidária, na busca do bem da coletividade, ou seja, encontrar uma forma de ajudar a solucionar está crise que aflige todos os funcionários do Grupo. A situação atual é insustentável e essa instabilidade está deixando todos preocupados. Faremos tudo que estiver ao nosso alcance para ajudar”, frisou o Prefeito.

Após as claras demonstrações de apoio vindas de ambos os poderes, os porta-vozes dos funcionários da Andrade, José Fábio e Edson Roberto, mostraram-se confiantes quanto à solução do impasse.

No período da tarde, outra reunião com diversos funcionários, aconteceu no plenário Aldo dos Santos Pimenta, com a participação do Presidente Wesley Mandi e dos vereadores Gabriel Peixoto, Wemerson de Souza, Léo Preto, Gilomé Cândido e Lazinho Lacerda. Oportunidade em que os parlamentares ouviram os questionamentos da classe e constataram o clima de incertezas que cerca todos os colaboradores da empresa.

Foi através deste encontro que surgiu a reunião da noite, na qual ficou acertado e acordado entre parlamentares e prefeito, o acompanhamento em Brasília no desenrolar das negociações entre a CEF e a empresa Andrade.

Preliminarmente a esta, no último dia 12/02, uma reunião reivindicando aporte financeiro para o Grupo Andrade, aconteceu na sede da Caixa, contando com a presença de funcionários da Usina Andrade, produtores rurais, lideranças politicas da região, e do vice-presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Magalhães Occhi.

De acordo com Gilberto Occhi, a empresa ANDRADE é uma empresa ainda viável, uma vez que sua dívida atual gira em torno de R$ 390 milhões de reais e seu patrimônio de aproximadamente R$ 800 milhões de reais.

O vice-presidente informou ainda, naquela oportunidade, que a CAIXA tem interesse juntamente com o BANCO DO BRASIL em conceder o aporte financeiro ao Grupo, mas observou que os proprietários terão de aceitar uma intervenção da Caixa na área administrativa da empresa.

Acordo feito, a CAIXA promoverá uma reunião com os demais agentes financeiros que possuem capital investido na empresa para uma negociação do parcelamento dessas dívidas. Após isso, será pago o restante dos salários de janeiro que é de 72%, mais férias, décimo terceiro, salário de fevereiro e também algumas dívidas trabalhistas.

Depois de resolvidas as pendências financeiras com os funcionários, chegaria o momento de regularizar as dívidas com os prestadores de serviços da indústria, maquinário de campo e insumos. Por último seria chamado à mesa de negociação os produtores rurais arrendatários de terra com dívidas a receber.

Em resumo a empresa é viável e com a ajuda da Caixa tem tudo para se recuperar.

Segundo os representantes dos trabalhadores, o fim do impasse está nas mãos dos próprios donos, dependendo de aceitarem ou não a intervenção da agência.

A Companhia Energética Vale do São Simão foi inaugurada oficialmente dia 30 de maio de 2010. Em 2011, a empresa encerrou a safra com 1.451.998 toneladas de cana processada, produção de 133.981 toneladas de açúcar vhp e 44.792 m³ de álcool hidratado. Já no ano seguinte os números subiram e a Companhia encerrou a safra com 2.005.333 toneladas de cana processada, produção de 133.883 toneladas de açúcar vhp e 82.783 m³ de álcool hidratado.

Atualmente, a Usina Andrade possui em seu quadro de funcionários cerca de 1.350 pessoas das cidades de Santa Vitória, Chaveslândia e São Simão.

TEM ALGO ERRADO :NAS ENTRELINHAS DE EDUARDO CAMPOS: DINHEIRO ENCONTRADO 1,9 MILHÕES DE REAIS, MAU TEMPO NÃO DERRUBA AERONAVES; A COMPRA QUE CUSTOU 7 MILHOÕES DE DOLARES : O GRUPO DE USUNEIROS QUE ESTAVAM A FALENCIA: CONEXÃO DE EMPRESÁRIO DE ALAGOAS: SEGUNDO A ARNAC AERONAVE TINHA SITUAÇÃO REGULAR, SÓ QUE O REGISTRO DE COMPRA ESTAVA NO NOME DE GRUPO DE ANDRADE E AINDA O CERTIFICADO DE AERONAVEGABILIDADE VAI ATÉ FEVEREIRO DE 2015, AO FAZER O LEVANTAMENTO DESCOBRIMOS UMA POSTAGEM DA SENHORA ELISANGELA NO DIA 14 DE AGOSTO DE 2014, AS 23:58, DIZENDO SE AERONAVE FOI VENDIDA POR 7 MILLHÕES DE DOLARES CADE O DINHEIRO PARA PAGAR OS FUNCIONÁRIOS DA USINA QUE VIVEM A MERCÊ DA MISÉRIA, E AINDA ENVOLVE OUTRO ESCANDA-LO NA PETROBRAS:

O relato consta no boletim de ocorrência 2816/2014, registrado no fim da tarde de quarta-feira no 7o. DP de Santos. Os policiais não souberam dizer de quem era o objeto com o dinheiro. Durante os trabalhos, os bombeiros encontraram, também, um relógio, dois molhos de chaves, um notebook danificado e dois pen drives, de acordo com o que foi relatado no boletim de ocorrência.


O avião, após arremeter quando tentava pousar na Base Aérea de Santos, devido ao tempo fechado, caiu num terreno vazio no meio de um quarteirão. Peças da aeronave espalharam-se por 15 imóveis vizinhos, e o impacto da queda do avião quebrou janelas e destelhou casas num raio de 200 metros. Nesta quinta-feira, 13 das 15 residências foram liberadas para que os moradores retornassem.

MAU TEMPO  NÃO DERRUBA AERONAVES, SE  FOSSE  ASSIM JA TINHA CAIDO EM GUARULHOS  VÁRIOS  BOINGS

Mau  tempo fechado,  em outras  palavras  o teto estava  baixo, mas  a visibilidade  ainda era boa, cerca de 2.000  metros, já se  via a pista  35,de acordo  com  algumas  gravações  possíveis  o piloto  é  informado  que a pista  estava bloqueada, mas  qual sentido  disso  já que  não avia  outra aeronave  na pista  35. e que  em seguida  ja  estava  desbloqueada, neste  momento aeronave  esta  remetendo, numa  velocidade de 340 kilometros  por  hora  para  ganhar a  atitude  ja que estava  cerca de 500  pés  de altura, então  o que se explica, essa mudança  da torre  de controle.

NAS  ENTRE LINHAS  UMA  MALA CONTENDO  CERCA DE R$ 1,9 MIL (  UM MILHÃO E  NOVECENTOS  MIL REAIS)

Os primeiros bombeiros que tiveram acesso ao local do acidente do avião de Eduardo Campos, na quarta-feira, em Santos, recolheram entre os destroços uma pasta com R$ 1,9 mil em notas de cem. Também foram recolhidos, no dia da queda, documentos pessoais do cinegrafista Marcelo de Oliveira Lyra, do piloto Marcos Martins e do fotógrafo Alexandre Severo.

VAMOS  ENTENDER A  COMPRA  DA  AERONAVE A TRES MESES:

O avião que levava o ex-governador Eduardo Campos está registrado no nome do grupo AF Andrade Empreendimentos e Participações, uma holding de Riberão Preto que atuava nas áreas de usinas de cana de açúcar e etanol. 

O GRUPO ESTAVA  COM DIFICULDADE  FINANCEIRA

O grupo enfrentava dificuldades financeiras. Em julho, teve aprovado na Justiça pedido de recuperação judicial e proteção aos credores.

O presidente da holding, José Carlos de Andrade foi dono de uma usina de etanol na região de Ribeirão Preto, no Estado de São Paulo, mas que foi vendida há alguns anos para o grupo Tereos, controladora da sucroalcooleira Guarani.

A holding hoje controla a usina São Simão, em Minas Gerais e outra unidade em Rio Verde, Goiás. A empresa estava em dificuldades financeiras e teve seu pedido de proteção contra credores aprovado pela Comarca de Santa Vitória (MG) há menos de um mês, no dia 15 de julho. 

A usina ainda não iniciou a moagem de cana da safra 2014/15 por falta de recursos para pagar fornecedores de cana e retomar a operação.

ACUSAÇÕES  CONTRA  OS  SÓCIOS REALIZAÇÃO  DA MESMA CARGA ENVONVIA  A  PETROBRAS

Segundo os  levantamentos, os sócios da usina Andrade foram acusados de realizar venda de uma mesma carga de etanol para dois compradores diferentes, entre eles a Petrobras.

CONEXÃO  ALAGOAS  NO  AR

E começando a  fazer  as investigações descobrimos que o avião foi vendido há cerca de três meses, por US$ 7 milhões, para um empresário de Alagoas -que o teria emprestado à campanha. 

No registro da Anac, o avião continua no nome do grupo Andrade. Segundo  o  que  levantamos , a aeronave, que estava alienada à Cessna Finance Export Corporation, era de uso dos executivos da AF Andrade, mas, devido às dificuldades financeiras do grupo, o avião havia sido disponibilizado para locação.

O  CASO  AERONAVE 

A aeronave foi entregue com cerca de 350 horas de voo à campanha de Campos, segundo Fabiano de Camargo Peixoto, que foi co-piloto do avião por um ano e meio. O modelo tinha capacidade para transportar até 12 passageiros, transportar até 9 toneladas e possuía dois motores à jato.

Peixoto afirmou que seu último voo nela foi em maio, com Campos a bordo. "Foi um voo de demonstração para ele, que gostou da aeronave."

SEGUNDO  ARNAC AERONAVE  ESTAVA  EM SITUAÇÃO PERFEITA DE VOO


Segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) a aeronave acidentada NA AMANHÃ  DO DIA  13 DE AGOSTO DE 2014,  estava em situação regular, com "todos os certificados em dias". 

A ULTIMA INSPEÇÃO ACONTECEU  EM JANEIRO DE 2014 VALIDADE  FEVEREIRO DE  2015.

A última inspeção aconteceu em janeiro, com validade até fevereiro de 2015. Também o certificado de aeronavegabilidade, que confirma as condições operacionais do avião, estava válido até 2017.

Elisangela 
14 Agosto 2014 - 23:58 
Se o avião foi vendido, cadê o dinheiro? para pagar os funcionários, pois este dinheiro nunca chegou até os trabalhadores que estão a mercê da miséria.

Se Maggie Gyllenhaal Can chorar no trabalho, você também pode


Victoria Pynchon
Negotiation Consultant, She Negotiates Consulting and Training
Grande Los Angeles e Região, Estados UnidosPrática jurídica
Atuais
She Negotiates Consulting and Training, American Arbitration Association, Professional Women's Network of Southern California
Anteriores
ForbesWoman, ADR Services, Inc., Institute for Conflict Prevention and Resolution ("CPR")
Formação acadêmica
Straus Institute for Dispute Resolution, Pepperdine U. SOL

Anuncio

Seguidores

CAMPANHA PRA VENEZUELA

CAMPANHA  PRA  VENEZUELA
PRECISA DE AJUDA HUMANITÁRIA

As principais matérias do blog